Da Mei: Vai passar!

9.13.2011 -
Quando a gente sabe que precisa de ajuda? Ou de um papo sério com algum profissional da saúde? Em que momento, dia, hora, minuto, o tempo pára como naquelas cenas do Matrix, e nos deparamos com uma pessoa estranha à nós que nos tornamos? A gente erra, a gente aprende, mas parece que de repente caímos de novo nos mesmos buracos. Será que existe mesmo forças invisíveis torcendo para o nosso fracasso, nos induzindo aos caminhos obtusos e escuros?
Ninguém pede para sofrer. Para ter a casa levada na enchente. Pra ser assaltado na esquina do trabalho e esfaquiado. A gente não controla as vidas ao nosso redor, muito menos a natureza em momentos de catástrofes. Mas quando as quedas são nossas, os erros cometidos por nós, não há desculpas, só culpa, e a culpa, ahh! essa consegue piorar qualquer situação que aparentemente não poderia ficar mais ruim do que já estava.
São tantas as malandragens e traquinagens que nos acometem no trajeto da vida que muitas vezes temos até medo de nos expormos novamente ao mundo. Depois das derrapadas que damos, o medo de caminhar “livre, leve e solta” consegue nos paralisar com destreza.
Mas há esperança em meio há tantas agonias. Há sempre um alguém, daqui ou do além, pronto para nos ouvir e compartilhar conosco nossos sofrimentos. Pode ser o pai, a mãe, um amigo, irmã, padre, pastor, guia espiritual, psicólogo, colegas da academia, não importa, a lista é infinita. Deve haver alguém ao seu lado, abra bem os olhos, sozinhos não conseguimos muito.
Não estou aqui querendo dar uma de terapeuta barata, nem fazer a linha da  escritora de auto-ajuda, mas desde sempre muitas pessoas ao me conhecerem, ou mesmo sem me conhecer, gostam de conversar sobre seus problemas comigo.  Sou conselheira de amigas, parentes e até mesmo estranhos!!! Se tenho rosto de confiavél, não sei, diz minha mãe que isso faz parte da evolução espiritual e ZzZzZz , mas enfim, cada um com a sua crença. O que eu quero dizer aqui é a constatação que eu faço. As pessoas ao meu redor, aonde quer que eu vá, no país que eu more, estão cada vez mais carentes. Precisam de um abraço, uma palavra amiga, não sei dizer se isso é um  sintoma causado por conta das relações sociais atuais ou se sempre foi assim, só que antes eu era criança e não reparava. Sei que basta deixar o outro começar a falar para engatar logo o monólogo.
O que eu quero te dizer é: se você está de bem com a vida, dê uma atençãozinha para quem pode estar pedindo socorro em silêncio bem ao seu lado.  E se quem estiver na pior é você, não hesite em falar sobre seus problemas com alguém que vá te ouvir de coração aberto. Dividir os problemas falando sobre estes pode ajudar a aliviar a carga do sofrimento. E como diz o samba “Levanta, sacode a poeria e dá a volta por cima.”

6 Comentários:

  1. A dor vem sozinha mesmo, sem a gente pedir ou esperar.
    As vezes, quando mesmo quando não estamos tão bem, a gente guarda a nossa angústia no bolso, na bolsa, na caixa e vai ajudar o outro.
    Assim, as dores não se multiplicam, se entendem e se vão.

    ResponderExcluir
  2. Maldita hora em que não sabemos como ajustar o GPS do acaso para fugir de qualquer revés do destino.

    E essa indiferença humana? Essa felicidade que não pode ser interrompida em qualquer gesto solidário direcionado a paúra do próximo?

    Concordo com você.

    Podemos viver num mundo mais colorido que uma aquarela gigante, não importa. Sempre existirá alguém querendo ao menos uma cor na sua vida em branco.

    ResponderExcluir
  3. Levanta ,sacode a poeira e dá a volta por cima!! Ótimo.
    É sempre válido dar uma atenção para quem precisa, até as vezes alguém que você mal conhece mas acaba desabafando tudo para você de tanto que esta pessoa precisa!
    Temos que ter mais ouvidos para os problemas e boca para liberar um pouco o peso!

    Beijos!

    ResponderExcluir
  4. Bom dia! Desculpa passar assim em comentário coletivo, e para fazer uma propaganda. Mais Estou neste mês inaugurando a minha Loja Online SilMarTaTi Modas

    http://silmartatimodas.loja2.com.br

    Comemorando nossa inauguração, e a entrada da estação mais bonita do ano, estamos promovendo um sorteio.
    Comprando acima de R$ 100,00 estará concorrendo a um lindo Kit de Folheados, assim como para as primeiras cinquenta pessoas que comprarem na loja.Cada cliente poderá concorrer a um kit apenas.
    Venha me honrar com sua visita!!
    beijos no coração, linda quarta feira!!

    ResponderExcluir
  5. "Vai passar, sempre passa..." E sempre que um amigo precisar, guarde sua dor no bolso um pouquinho e vá cuidar da dele, porque amigos são anjos sem asas. Aprendi isso para nunca mais esquecer.

    ResponderExcluir